Notas sobre Amor

Incerto para uns, certo demais para nós

Que tal imaginarmos, nós dois, apaixonados loucamente, no futuro?

Me apaixonei faz certo tempo. E esse tempo foi aumentando e não sei que rumo tomou, apenas sei que amanhã quero ainda estar contigo. Loucura minha pensar em querer passar o resto de meus dias com uma única pessoa, para alguns é uma aventura traiçoeira, algo que para outros, tão fácil quanto brincadeira.

Gosto de pensar que amanhã, ainda sentaremos no sofá aqui de casa e discutiremos os nomes de nossos filhos novamente. Adoro isso, planejar contigo!

Talvez, daqui á alguns anos, estaremos entrando em uma pequena igreja, eu de branco, como você sonha me ver e você com a gravata borboleta que sempre quis perceber.

Dali em diante imagino que essa loucura de amor jovem ainda sobreviva á corrida dos dias, mas eu prometo, que nunca deixarei de ser louca pelo noivo da gravata borboleta.

Um futuro meio distante, meio planejado e por nós sonhado por longas tardes de domingo. Incerto para a maioria, mas certo até demais para loucos. Como apenas nós.